Início Salvador Velejador Aleixo Belov vai receber título de cidadão soteropolitano

Velejador Aleixo Belov vai receber título de cidadão soteropolitano

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE
Foto: Leonardo Papini

Ucraniano de nascimento, Aleixo Belov, 78 anos, já é baiano de coração e agora se tornará soteropolitano oficialmente. Isso porque, no próximo dia 20 deste mês, às 18h30, o velejador que já deu cinco voltas ao mundo ganhará o Título de Cidadão da Cidade do Salvador, que é uma honraria concedida pela Câmara Municipal de Vereadores aos que destacam a capital baiana pelo Brasil e pelo mundo.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

A concessão do título é resultado de um projeto apresentado pelo vereador André Fraga (PV). “É um reconhecimento que já deveria ter sido feito há muito tempo a alguém que escolheu a Baía de Todos-os-Santos e Salvador para empreender, para gerar empregos e tecnologia na área náutica”, afirmou ele, destacando que Belov divulgou a Bahia e capital baiana por onde passou durante suas viagens ao redor do planeta.

O velejador – que se prepara para inaugurar o Museu do Mar Aleixo Belov no Santo Antônio Além do Carmo, no Centro Histórico de Salvador – não esconde a alegria de receber o título. “Naturalizei-me brasileiro aos 24 anos, tornando-me baiano de coração. Só faltava Salvador me receber como filho. E este dia chegou”, festeja ele, que também contribuiu com a formação de novas gerações de navegadores locais durante as duas viagens que realizou acompanhado por alunos no veleiro-escola “Fraternidade”.

HONRARIA

O quê? Concessão de Título de Cidadão da Cidade do Salvador.
Quando? 20/10, às 18h30.
Onde? No Plenário Cosme de Farias da Câmara de Vereadores.