Início Feira de Santana Suspeito de pagar para homem ingerir bebida alcoólica se apresenta

Suspeito de pagar para homem ingerir bebida alcoólica se apresenta

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

O homem suspeito de pagar R$ 20 para o catador de materiais recicláveis que morreu após ingerir garrafa de bebida alcoólica se apresentou à polícia nesta quarta-feira (22), na cidade de Feira de Santana, cidade a 100 quilômetros de Salvador.

Segundo informações do delegado Alisson de Carvalho, que investiga o caso, o homem confessou que comprou a bebida que Wellington Cardoso da Silva, de 39 anos, ingeriu e também pagou o dinheiro para o catador de materiais recicláveis.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

De acordo com o delegado, o homem foi liberado após ser ouvido, porque o caso não se configurou como um crime.

Caso

O caso ocorreu no dia 8 de janeiro. O homem só foi enterrado um dia depois. A bebida que ele ingeriu foi oferecida por um grupo de colegas da vítima. Imagens divulgadas nas redes sociais mostraram o momento da “aposta”.

A sobrinha de Wellington Cardoso da Silva, de 39 anos, afirmou dois dias depois que o tio morreu, que o caso foi uma monstruosidade.

“Ele era bem conhecido e alegre. O povo se aproveitou da vulnerabilidade dele, que sempre bebia, e fez isso tudo. Isso foi uma monstruosidade. Ele deixou uma filha de 13 anos. A gente contou a ela. Está todo mundo em choque. Foi uma coisa que a gente não esperava. É uma coisa que abalou a todos nós. É uma coisa difícil para gente”, disse Carolaine da Silva Santana.