Início Destaque Simone tenta homenagear Simaria em show, mas imagem ‘fúnebre’ vira piada

Simone tenta homenagear Simaria em show, mas imagem ‘fúnebre’ vira piada

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

Após anunciar uma pausa na carreira, Simaria, 40, não tem mais se apresentado com a irmã, Simone Mendes, 38. E em show no último sábado (18) em Conceição do Mato Dentro (MG), a cantora tentou prestar uma homenagem a ela, mas o ato acabou virando piada.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

Rapidamente o vídeo viralizou nas redes sociais. No momento em que cantava a canção “Amiga”, Simone mostrou fotos de Simaria em um telão rodeado de flores e efeitos especiais. “Meu Deus, essa festa virou um enterro”, disse um. “Olha esse velório”, postou outro.

Simaria resolveu abrir o jogo sobre a sua relação com Simone. A filha mais velha da família Mendes revelou que não suporta mais o jeito controlador da irmã e deu a entender que existe a possibilidade da dupla acabar.

“Ela fica me controlando. ‘Cala a boca, não fala isso’. Cara, com 40 anos não vou mais me calar, entende? Vou falar o que acho que é certo. Vencemos juntas. Mas não significa que porque vencemos juntas temos que morrer como duplinha para sempre”, admite Simaria.

Em entrevista ao Domingo Espetacular, da Record TV, gravada antes de anunciar mais uma pausa na carreira para cuidar da saúde, Simaria também falou o motivo de ter comemorados os seus 40 anos com um festão e que acabou colocando ainda mais em evidência o momento difícil da dupla sertaneja.

“A gente sempre está ajudando os outros. Dá uma casa para um tio, uma roupa para uma mãe, dinheiro, dá tudo na vida para o povo. Quando é hora de se presentear, a gente não tem coragem de dar um presente para nós mesmos. Nunca tinha comemorado um aniversário na vida porque o meu pai morreu faltando cinco dias para eu fazer 10 anos. Daquele momento em diante não tinha mais sentido comemorar, mas desta vez eu quis”, explica Simaria.