Início Camaçari Sequestro de casal em Camaçari está ligado à rivalidade entre facções criminosas,...

Sequestro de casal em Camaçari está ligado à rivalidade entre facções criminosas, aponta polícia

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE
(Fotos: divulgação/SSP)

O sequestro de um homem e sua companheira em Abrantes, no distrito de Camaçari, estaria ligado à disputa entre duas facções criminosas, aponta a polícia.

O comandante da 59ª CIPM, major André Luis Teodósio Presa, relatou que a informação que chegou foi de que um morador da região, envolvido com uma organização criminosa, que teria comprado duas armas com um grupo rival. E, como forma de revidar, integrantes dessa facção fizeram a mulher dele e um outro homem como refém, em uma área de mata, no loteamento Canto dos Pássaros, na Estrada da Cetrel.

Após o recebimento da denúncia do sequestro, as equipes da 59ª CIPM, Rondesp RMS, Grupamento Aéreo da PM (Graer) e Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) foram acionadas. As incursões foram iniciadas e ao chegarem na mata, os policiais se depararam com cerca de 20 criminosos e quatro suspeitos morreram durante um confronto na tarde de terça-feira (28). O restante do bando conseguiu fugir.

“O bando começou a atirar, as equipes revidaram, quatro deles foram atingidos, chegaram a ser socorridos, mas não resistiram”, disse o comandante da 59ª CIPM.

A polícia apreendeu três armas de fogo, munições e outros materiais em um local que os suspeitos estavam usando como esconderijo. As duas pessoas feitas reféns foram resgatadas pelas equipes e apresentadas na Corregedoria Geral da PM onde a ocorrência está sendo registrada.