Início Notícias RICARDO SANTOS: Havaí faz homenagem a surfista morto, e campeão Kelly Slater...

RICARDO SANTOS: Havaí faz homenagem a surfista morto, e campeão Kelly Slater critica violência no Brasil

Onze vezes campeão mundial, Kelly Slater chamou o brasileiro de “amigo” e lamentou o alto índice de homicídios no Brasil

Ricardo dos Santos (Foto: Henrique Pinguim)

Uma homenagem na praia de Pipeline, no Havaí, lembrou a morte do surfista brasileiro Ricardo dos Santos nesta terça-feira (20). A imagem de uma roda de surfistas registrada pelo fotógrafo Bidu Correia foi divulgada pelo americano Kelly Slater, surfista mais vitorioso no WCT. No Instagram, onde publicou a imagem, Slater chamou o brasileiro de “amigo” e lamentou o alto índice de homicídios no Brasil.

“Uma manhã bonita, mas eu fiquei horrorizado ao perceber que todo mundo estava remando para o outside em Pipeline para formar um círculo homenagem ao meu amigo Ricardo dos Santos, que faleceu no hospital após ser baleado três vezes ontem no Brasil. Ricardo dos Santos foi realmente um dos maiores pegadores de tubo em sua curta vida (eu e outros aprendemos muito com ele, quando ele venceu um evento em Teahupoo. Ele também ganhou a prova Onda do Inverno em 2012 e 2013, com um tubo maluco em Pipeline e foi destaque nos tubos mais pesados do mundo. Essa sim foi uma perda sem sentido de vida. Infelizmente, o que aconteceu traz a luta o número de assassinatos no Brasil, que são mais de 50.000 oficializados, além de muitos outros que não são declarados. Falta de educação, pobreza e drogas não fazem uma boa mistura e torna a vida um desafio no país, um dos mais belos lugares que já fui. Minhas condolências à família e amigos de Ricardo ao redor do mundo. Nossa pequena comunidade perdeu alguém muito cedo”, escreveu Slater.

Homenagem Havaí Ricardo dos Santos (Foto: Reprodução / Facebook)

Surfistas fazem roda no mar em homenagem a surfista Ricardo dos Santos morto

Ricardo dos Santos, baleado por três tiros após uma discussão em frente a sua casa, na manhã da última segunda-feira (19), na Praia de Embaú, em Palhoça, Santa Catarina, faleceu na manhã desta terça. Ricardinho, como era conhecido, passou por quatro cirurgias, mas não resistiu aos múltiplos ferimentos que atiram pulmão e rim. Ao saber da notícia a mãe do surfista passou mal e precisou de atendimentos médicos.

Os suspeitos do crime são um policial militar e o irmão dele. Os dois foram detidos após a ação e prestaram depoimento em uma delegacia de Florianópolis. Nas redes sociais amigos de Ricardinho, como o atual campeão mundial de surf, Gabriel Medina, e Alejo Muniz, mandaram forças e pediram uma corrente de orações para o amigo.

“Ricardinho, voce nao merecia isso! Nao mesmo, nunca! Pq isso acontece com gente do bem? Nao entendo isso! Mlk gente boa, sempre ajudando o proximo, sorriso de orelha a orelha todos os dias, exemplo de pessoa Familia Dos Santos que Deus conforte sua familia”, postou Medina após receber a notícia.

Fonte: Correio da Bahia