Início Brasil Renúncia de presidente da Petrobras é confissão de culpa, dizem aliados

Renúncia de presidente da Petrobras é confissão de culpa, dizem aliados

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE
Foto: Saulo Cruz/ Ministério de Minas e Energia

A renúncia do presidente da Petrobrás, anunciada na manhã desta segunda-feira (20), tem sido bastante criticada por aliados do executivo. Em conversa com a coluna do jornalista Igor Gadelha, do Metrópoles, a avaliação é que ele “assumiu uma culpa que ele não tem” pelo alto preço dos combustíveis no Brasil atualmente.

“Há algum tempo quem mantém os preços dos combustíveis mais baixo no Brasil do que a média mundial é a Petrobras. A pressão é político-eleitoreira”, argumentou à coluna um aliado do executivo.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

Para o entorno de José Mauro, a renúncia “respalda a falsa e caluniosa narrativa do acionista majoritário (União)” de que a Petrobras “trabalha contra” a reeleição do presidente Jair Bolsonaro.