Início Camaçari Protetores de animais denunciam chacina de gatos no bairro do Inocoop e...

Protetores de animais denunciam chacina de gatos no bairro do Inocoop e cobram por justiça

Não são raras as vezes em que ouvimos falar de animais domésticos que foram mortos por um determinado indivíduo ou até mesmo por agentes do Estado, fato corriqueiro, principalmente, em cidades interioranas, onde o controle, a investigação e a punição por eventuais crimes pode ser mais difícil.

Embora o artigo 32 da Lei 9.605/98 fale em quatro tipos penais, praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais, o crime ainda é muito recorrente.

Em Camaçari, um grupo de protetores de animais denuncia uma chacina de gatos no Inocoop. Segundo informações da protetora Natália, do GAPAR – Grupo de apoio e proteção ao animal, existe no bairro do Inocoop, uma colônia de gatos, localizada próximo ao Colégio Maria Quitéria e, alguns animais tem aparecido mortos. “Uma vez ou outra aprece um gato morto, mas, no último final de semana, houve uma matança em série. Acharam mais de 10 gatos mortos. Inclusive, alguns estão desaparecidos, acreditamos que também foram mortos.
Estamos em busca de justiça para esses animais”, denuncia.

Em busca de justiça, o grupo criou um abaixo-assinado com o intuito de chamar à atenção da polícia para o caso. “Lutamos para esse caso seja investigado e resolvido”. Natália ainda completa: “a dor é enorme e não podemos deixar esse crime ficar impune, são vidas e nós somos a voz deles! Nos ajude a ter justiça, não é a primeira vez que acontece, e se nada fizermos voltará a se repetir”.

Clique aqui e participe do abaixo assinado.