Início Bahia Policiais apreendem 75 mil comprimidos de estimulantes sexuais

Policiais apreendem 75 mil comprimidos de estimulantes sexuais

Por Correio da Bahia

Parte da carga apreendida na BR-242, na Chapada Diamantina (Foto: Divulgação | PRF e SSP)

Uma carga com 75 mil comprimidos de estimulantes sexuais e 4 mil anabolizantes, entre ampolas e comprimidos, foi apreendida por policiais militares e rodoviários federais na noite de terça-feira, na BR-242, em Itaberaba, na região da Chapada Diamantina.

As substâncias eram transportadas junto com suplementos alimentares, todos de origem estrangeira e algumas de comercialização proibida no país, com destino a Feira de Santana e Salvador. A carga estava sendo transportada em um ônibus interestadual que fazia a linha Goiânia x Salvador.

A apreensão aconteceu durante a Operação Divisa Segura, realizada por equipes das Rondas Especiais (Rondesp) Chapada e Polícia Rodoviária Federal (PRF). A ação ocorreu no Km 202, da BR, trecho que dá acesso às cidades de Itaberaba e Seabra.

O comandante do Policiamento da Região da Chapada, tenente-coronel PM Valter dos Santos Araújo, explicou que não houve prisão em flagrante, já que o veículo pertence a uma empresa transportadora.

O motorista do veículo chegou a ser conduzido, mas foi liberado. “Alguns dos materiais não possuíam nota e a maior parte desses medicamentos é de origem do Paraguai e dos Estados Unidos”, acrescentou o coronel.A operação resultou na apreensão de 73 mil comprimidos de Pramil, 300 frascos de Metandrostelona, 400 frascos de Stanozoland, 1.000 ampolas de Lipostabil, 90 potes de Assault MP, 95 caixas de Decaland, 50 ampolas de Testogar, 590 ampolas de Durateston, 2 mil comprimidos de Erofast e 116 frascos de Lipo6 Black. Todo o material apreendido foi encaminhado pela PRF para a sede da Receita Federal, em Feira de Santana.

Durante a fiscalização no veículo, os policiais identificaram indícios de falsificação na documentação de uma das encomendas despachadas.

A nota fiscal informava o transporte de cabelo sintético, porém a bagagem continha: 300 ampolas de Metandrostenolona, 400 ampolas de Stanozolol, 95 ampolas de Decaland, 50 ampolas de Testogar, 590 ampolas de Durateston, todos esteroides anabolizantes; 1000 ampolas de Lispostabil, medicamento proibido no país pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa); 90 potes do Termogênico Assault, 70.000 comprimidos do estimulante Pramil; 3000 comprimidos de Pramil Forte; 2000 comprimidos do estimulante Erofast e 116 potes de Lipo 6 Black.