Início Brasil Polícia do DF conclui que Joice Hasselmann sofreu queda e descarta agressão

Polícia do DF conclui que Joice Hasselmann sofreu queda e descarta agressão

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) concluiu que a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) sofreu uma “queda da própria altura” e descartou a suspeita de agressão à parlamentar no caso em que ela alegou ter sido vítima de um atentado.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

De acordo com as investigações da 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), o acidente pode ter ocorrido em decorrência de efeitos de remédios para dormir.

“Não se evidenciou quaisquer elementos que apontassem para a prática de violência doméstica ou atentado/agressão por parte de terceiros”, diz o relatório dos investigadores.

De acordo com a PCDF, o procedimento foi encaminhado ao Poder Judiciário e ao Ministério Público. O caso tramita em segredo de Justiça.

Joice Hasselmann contou que assistia a uma série na noite do último dia 17 quando teve um lapso de memória. Na manhã seguinte, ela acordou deitada no chão, em cima de uma poça de sangue. Com várias fraturas, ela disse que pediu ajuda do marido, que dormia em um quarto separado. Em coletiva, o casal afirmou que eles costumam dormir em cômodos diferentes porque o médico tem problemas com ronco.