Início Destaque Perfil do Instagram posta stories que travam celulares e viraliza

Perfil do Instagram posta stories que travam celulares e viraliza

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE
Imagem: Reprodução

Uma conta do Instagram com mais de 70 mil seguidores se tornou viral por sua capacidade “destrutiva”: os stories dela têm o poder de “matar” celulares diversos, não poupando iOS nem Android. De acordo com relatos, somente os aparelhos mais robustos munidos do sistema operacional do Robô passam pela experiência sem prejuízo algum.

Enquanto dispositivos da empresa da Maçã apresentam uma tela cinza e um texto em árabe, outros que carregam o SO do Google exibem uma tela roxa com ilustrações de confetes e uma música. O responsável pela ação se identifica como Pgtalal e afirma ser um desenvolvedor full stack de apenas 14 anos, possuindo, também, perfis privados tanto no TikTok quanto no próprio Instagram.

Para solucionar o que realmente acontece, o canal do YouTube Mrwhosetheboss decidiu investigar o caso e descobriu que Pgtalal inclui dois adesivos nativos da rede social nos materiais, uma contagem regressiva e uma enquete. Mesmo que pareçam inofensivos, há uma pegadinha nessa história.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

Lado sombrio da força
Enquanto os recursos tradicionais tendem a ter valores de altura e largura entre 0 e 1, os utilizados pelo hacker são muito maiores, chegando aos oito dígitos. Um proxy HTTP, que permite que o desenvolvedor veja e modifique as coisas que estão sendo postadas antes que cheguem aos servidores do aplicativo, possibilita a ele alterar as características “naturais” e as expandir tanto.

As dimensões explicam, inclusive, as cores das telas, que seriam partes das ferramentas – e seu carregamento, consequentemente, consome muita memória. Pular os stories não é uma opção porque a parte responsiva não se encontra nas áreas.

Não se sabe, ainda, quais são as intenções de Pgtalal com a divulgação de conteúdos do tipo. De todo modo, caso caia na armadilha, reverter a situação não é complicado. Basta reiniciar o smartphone à força, seguindo as recomendações da fabricante do aparelho.

Aliás, se receber convites de amigos e conhecidos para visitar o perfil, não ceda à tentação – ou testemunhará, em primeira mão, o real poder de Pgtalal.

Com informações do Tecmundo