Início Destaque Pai transmite ao vivo castigo dado ao filho que praticou bullying e...

Pai transmite ao vivo castigo dado ao filho que praticou bullying e levanta debate

Homem obrigou menino a correr na chuva até o colégio por ter sido suspenso do ônibus escolar e filmou a punição de dentro do carro

Um vídeo de um pai que mostra o filho sendo castigado por praticar bullying viralizou nas redes sociais. Nas imagens que circulam na internet, Bryan Thornhill, de 33 anos, filma o menino correndo por quase dois quilômetros até a escola, na Virginia, Estados Unidos. O garoto havia sido suspenso do ônibus escolar por causa de bullying. Thornhill filmou o castigo, de dentro do carro, enquanto o menino corria do do lado de fora, e transmitiu tudo ao vivo pelo Facebook.

Foto: Reprodução/ Facebook

“Seu filho é expulso do ônibus, e aí você o leva até a escola? Não. Essa não era uma opção,” disse Thornhill em entrevista ao Washington Post. O pai afirmou ainda que, na vida, “você tem que superar as circunstâncias em que se coloca”.

No vídeo, o homem explica que seu filho é “atlético” e que ir andando até a escola “não mataria ninguém”. “É um modo saudável de a criança ser punida”. “Se você diz que precisamos de controle de armas, eu digo que isso é o que precisamos: parentalidade,” afirmou o pai, referindo-se ao castigo.

Thornhill, que se diz um apoiador do livre acesso às armas, afirmou no vídeo que não pode trancar seu filho. “Eu posso controlar as armas facilmente e para sempre. Sobre o meu filho e o que ele fez, eu tive que garantir o controle hoje”.

Vídeo levanta debate

Nos últimos dias, o vídeo foi visto por milhões de pessoas, levantando o um debate nas redes sobre formas de educar. Alguns internautas expressaram revolta pela atitude do pai, enquanto outros se disseram preocupados pelo que isso pode gerar no futuro.

“Nem imagino por que o filho praticou bullying contra outras crianças na escola. Ele tem um pai doente… Ele está fazendo o seu filho correr até a escola na chuva, o que é doentio. Depois, para completar, ainda filmou. Crianças só praticam bullying para colocar para fora uma dor interna. Muito doentio esse vídeo”, escreveu um internauta.

“Mantenha as armas longe dessa criança. Ritual de humilhação pública não ajuda a saúde mental. Além disso, será que esse pai já pensou nos motivos pelos quais esse garoto pratica bullying? É, em geral, um comportamento aprendido”, afirmou outra pessoa em um comentário no Facebook.

Há ainda, entre os internautas, quem elogie a atitude de Thornhill. “É assim que se educa os filhos. Parabéns”, diz um dos comentários.

*Por iBahia