Início Esportes No Barradão, Vitória derrota América-RN e encosta na liderança de grupo no...

No Barradão, Vitória derrota América-RN e encosta na liderança de grupo no Nordestão

O Vitória derrotou o América-RN na noite desta quarta-feira (18) por 2 a 1 no Barradão, empatando com o time potiguar em número de pontos – o rival ainda fica na ponta do Grupo A por conta do saldo de gols. O próximo desafio do Leão pelo torneio é no dia 4 de fevereiro, quando encara novamente o América-RN, no jogo de volta, na Arena das Dunas.

O Leão saiu na frente aos 14 do primeiro tempo, depois de gol contra do zagueiro Zê Antônio. Depois de cobrança de falta, Ednei cabeceou e a bola desviou no defensor, enganando o goleiro. Mesmo atrás no placar, o time visitante não desanimou e continuou criando lances de perigo. Aos 24, Zê Antônio cobrou falta direto e a bola quase sobra para Max, livre na área.

Aos 29, o América carimbou a trave do Vitória com Thiago Potiguar, que chutou tirando do goleiro Fernando Miguel mas acabou errando o alvo. O Vitória também pressionava em busca do segundo. Aos 41, trapalhada na área do América-RN deixou a bola sobrar para Rogério, depois de cruzamento, mas o jogador pegou mal e chutou fraco, facilitando defesa de Busatto. Aos 42, mais um bom cruzamento de Nino e Rogério mandou para o gol, mas o goleiro fez boa intervenção e impediu o gol.

No Barradão, Vitória derrota América-RN e encosta na liderança de grupo no Nordestão

No segundo tempo as duas equipes voltaram com mudança. o América-RN, o lateral Magalhães deu lugar ao atacante Alekito. Já no Vitória Neto Baiano deixou o campo para a estreia de Elton. Mas foi o time alvirrubro que voltou melhor.

Logo ao primeiro minuto do segundo tempo, Max fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro na área. Ednei tentou tirar, mas a bola sobrou para Thiago Potiguar chutar e empatar no Barradão. Minutos depois, foi o próprio Max quem saiu livre na cara do goleiro, mas Fernando Miguel saiu bem e fez boa defesa, impedindo a virada.

Aos 15 minutos uma polêmica. O árbitro Marcelo de Lima Henrique marcou pênalti no atacante Élton, mas o assistente sinalizou impedimento do jogador rubro-negro. Mas, aos 21, o juiz marcou pênalti de Maguinho em Élton, agora para valer – o atleta do América levou o segundo amarelo e acabou expulso. Jorge Wagner cobrou e garantiu o gol do Leão. Com um homem a mais e vencendo, o rubro-negro passou a tocar mais a bola e valorizar a posse.

O América, que tirou um atacante para entrada de zagueiro após a expulsão de Maguinho, ainda tinha lances de perigo. Aos 33, Max invadiu a área e, sozinho, tentou encobrir Fernando Miguel com uma cavadinha, mas o goleiro conseguiu tocar na bola, que ainda foi no travessão antes de ir para fora.

Vitória x América-RN
Estádio Manuel Barradas (Barradão)
Vitória: : Fernando; Nino Paraíba, Euller (Mauri), Saimon, Ednei; Amaral, José Welison, Jorge Wagner, Vander; Neto Baiano (Elton), Rogerio (Escudero). Técnico: Ricardo Drubscky.
América-RN: Busatto; Walber, Zé Potiguar, Cleber, Magalhães (Alekito); Judson, Tiago Dutra, Thiago Potyguar (Edson Rocha), Cascata (Emerson); Max, Maguinho. Técnico: Roberto Fernandes.

iBahia