Início Bahia ‘Não resolve o problema do povo’, diz Rui sobre compra de vacinas...

‘Não resolve o problema do povo’, diz Rui sobre compra de vacinas por empresas

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

O governador Rui Costa criticou nesta quarta-feira (7) a recém-aprovação da Câmra dos Deputados do projeto de lei que autoriza empresas privadas a comprarem vacinas contra a Covid-19. Para o governador, a medida “não resolve o problema do povo”, pois é a ciência quem define a prioridade na vacinação, e não o dinheiro.

“A compra de vacinas por empresas não resolve o problema do povo. É a ciência quem define a prioridade na vacinação, e não o dinheiro. Não é hora de aprofundar desigualdades entre ricos e pobres. Não podemos admitir a ideia do salve-se quem puder. A vacina é do SUS e para o povo”, escreveu Rui em seu perfil no Twitter.

Em entrevista ao apresentador josé Eduardo, no programa Balanço Geral, o governador ainda lembrou que, caso a autorização seja aprovada pelo Senado, esses imunizantes podem ser requisitados por Estados e Municípios para vacinação da população. Rui disse ainda espera que o Senado não aprove a medida.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

“Espero que o Senado não aporve. Os ricos, que têm dinheiro, vão passar na frente do povão. Eu remalmente não consigo entender. Ao invés de buscar saídas para vacinação do povo. Para os Estados e Municipios comprarem, precisa da autorização da Anvisa, para o ricos, não. Relamente eu não entendo. Se essa lei for aproada, vamos recorrrer na Justiça. Não tem porque alguem de 20 anos, só porque é rico, passar na frente das pessoas idosas, e com morbidades. O Brasil virou o pior caso de cuidado da pandemia, tanto no número de mortes quanto na vacinação. A nossa eleite quer cuidar de si própria ao invés de cuidar das pessoas. Eu preciso ficar adulando para comrpar as 10 milhões de doses, e essa lei foi aprovada ontem no congresso. Não consigo imaginar que o Brasil que tem um SUS, tão respeitado, esteja passando esse vexame global”, resaltou Rui.

“Não custa lembrar: esses imunizantes podem ser requisitados por Estados e Municípios para vacinação, caso sejam comprados por empresas privadas, como propõe texto aprovado pela Câmara dos Deputados. Não é assim que venceremos a guerra contra a Covid-19”, completou.
Não custa lembrar: esses imunizantes podem ser requisitados por Estados e Municípios para vacinação, caso sejam comprados por empresas privadas, como propõe texto aprovado pela Câmara dos Deputados. Não é assim que venceremos a guerra contra a Covid-19.