Início Mundo ‘Não queremos o monopólio do poder’, afirma porta-voz do Talibã à CNN;...

‘Não queremos o monopólio do poder’, afirma porta-voz do Talibã à CNN; assista

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

Após derrubar o governo e tomar o poder rapidamente no Afeganistão, o Talibã afirma que fará uma administração inclusiva, com a participação de todos. É o que o porta-voz do grupo afirmou em entrevista à âncora da CNN Internacional Christiane Amanpour.

“Nosso programa é formar um governo afegão inclusivo islâmico. Então, eu espero que isso seja decidido dentro de alguns dias”, disse Suhail Shaheen.

Ao ser questionado pela jornalista da CNN sobre com quem o Talibã terá essas “conversas inclusivas”, Shaheen disse achar que terá “figuras conhecidas”, mas que ainda não pode dizer nomes.

Amanpour perguntou também por que alguém deveria acreditar que o grupo está interessado no envolvimento de outros membros da nação afegã no futuro. O porta-voz do Talibã afirmou que eles não querem o monopólio do poder.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

“Porque nós acreditamos que isso é importante para uma paz duradoura no Afeganistão e porque a base da nossa política é que nós não queremos monopólio de poder. Quando nós tivermos uma paz abrangente e duradoura, quando todos os afegãos tiverem participação no futuro governo”, disse.

“Por isso nós chamamos o governo de um governo afegão islâmico inclusivo. Então, por este motivo, nós queremos que esse governo seja inclusivo”, afirmou ele.