Início Bahia “Não é o suficiente, mas é uma ajuda”, diz Rui Costa sobre...

“Não é o suficiente, mas é uma ajuda”, diz Rui Costa sobre depósito de R$ 69 milhões do Governo Federal

“Não é o suficiente, mas é uma ajuda”, diz Rui Costa sobre depósito de R$ 69 milhões do Governo Federal 1
Foto: Fernando Vivas/GOVBA

O governador da Bahia Rui Costa falou sobre a ajuda financeira que vem recebendo do Governo Federal durante a pandemia do novo coronavírus em um live nesta terça-feira (7).

Segundo Rui, os depósitos feitos pelo Governo Federal contabiliza R$ 69 milhões e que o dinheiro está sendo destinado para as unidades de saúde em construção no interior do Estado.

“Há duas ou três semanas atrás chegou a primeira transferência de 32 milhões e semana passada chegou a segunda transferência de 37 milhões. Nós estamos utilizando os recursos para montar parte do investimento dessas unidades que estamos fazendo no interior”, afirmou.

Sobre o valor recebido, o governador informou que não é o suficiente para arcar com os gastos e espera receber mais recursos.

“Não é o suficiente para esse dinheiro para todos os serviços que estamos abrindo, mas já é uma ajuda importante e esperamos que o Governo Federal manda mais recurso”, declarou.

Relacionado às dificuldades do interior, Rui contou que grande parte dos municípios do não tem estrutura para atender a população, mas que está fazendo investimentos nas regiões.

“Eu falei com Dona Maria (prefeita de Ipiaú) e ela me informou que não tem condições de manter e por isso que a unidade de saúde não abriu. Os municípios vizinhos também não tem condições e se o estado não entrar bancando nós não teremos essas unidades funcionando. Esse recurso que nós recebemos estamos utilizando para montar uma estrutura e também para remunerar esse serviço”, disse.

Rui ainda falou que durante uma conversa com o Ministro da Economia Paulo Guedes na última sexta-feira (4), foi informado que mais de R$ 500 milhões foram destinados a área de saúde.

“Ele (Paulo Guedes) me disse que em três meses mais de R$ 700 milhões foram gastos na área da saúde não só contra o coronavírus, mas de todos os investimentos para atualizar e reforçar o atendimento de toda a rede”, contou.