Início Destaque Mutirão sobre câncer de pele atende 700 pessoas em Salvador e interior;...

Mutirão sobre câncer de pele atende 700 pessoas em Salvador e interior; saiba onde

Mutirão sobre câncer de pele atende 700 pessoas em Salvador e interior; saiba onde 1
Crédito da Foto: divulgação/Jornal da USP

No próximo sábado (7/12), das 8h às 13h, os baianos irão receber um mutirão de Atendimento para prevenção do câncer de pele. Em Salvador, o atendimento vai ser realizado no Hospital Aristides Maltez e no Hospital Geral Roberto Santos. A estimativa é que cerca de 700 consultas sejam realizadas só na capital.

No interior, o mutirão vai ocorrer nos municípios de Alagoinhas, na Policlínica Municipal de Alagoinhas; Feira de Santana, na Secretaria Municipal de Saúde; Vitória da Conquista, no Centro de Saúde DST-Aids; Jequié, na USB Almerinda Lomanto; Juazeiro, na Universidade Federal do Vale do São Francisco – Liga Acadêmica de Dermatologia e IST; e Santo Antônio de Jesus.

A prioridade de atendimento com dermatologistas será para quem apresentar sintomas como: uma pinta com mais de três cores que se modificou ou apareceu recentemente, um ferimento na pele que não cicatriza ou um sinal que está inflamando ou sangrando. Os documentos necessários para a consulta são RG ou algum documento de identificação com foto, cartão do SUS e comprovante de residência.

Somente em 2019 foram registrados mais de 1.500 internações por câncer de pele no estado, de acordo com dados da Secretaria de Saude da Bahia (SESAB). Cerca de 180 pessoas morreram em razão da doença. A maioria, homens.

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), quase 90% dos casos existentes no Brasil são de carcinomas. Apesar de terem letalidade baixa, esses tumores provocam cerca de 1.900 óbitos a cada ano em nosso País. Menos comum, o câncer melanoma é o tipo mais agressivo e, por este motivo, causa mais de 1.700 óbitos anualmente.