Início Brasil MC faz homem de ‘escudo humano’ e ambos são mortos

MC faz homem de ‘escudo humano’ e ambos são mortos

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE

Dois homens foram mortos a tiros neste domingo (2) em um condomínio no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, de acordo com a Polícia Civil. Um deles era conhecido como MC Irak e, segundo testemunhas, fez a outra vítima de “escudo humano”.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

O crime aconteceu na Cidade Garapu, por volta das 13h, mas foi confirmado pela Polícia Civil nesta segunda-feira (3). As vítimas são: Ewerton Matheus da Silva, o MC Irak, de 19 anos, e Cristiano da Silva, de 30 anos.

O relatório preliminar do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) afirma que Cristiano tinha 20 anos.

As vítimas estavam no Condomínio Novo Tempo IV quando ocorreu o crime. “Segundo informes da população, Ewerton utilizou Cristiano como escudo humano para evitar sua execução, levando ambos a morte”, afirmou o DHPP em relatório.

Ewerton, o MC Irak, morreu no local. Cristiano foi socorrido e levado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da Cohab, mas não resistiu. O caso foi registrado pelo delegado Sérgio Ricardo.

A Polícia Civil não informou se as vítimas foram baleadas durante um assalto ou se foram executadas.

“As investigações foram iniciadas e seguem até o esclarecimento do fato”, afirmou, por meio de nota. (G1)