Início Política Justiça determina bloqueio de R$ 11,5 milhões em bens de Aécio e...

Justiça determina bloqueio de R$ 11,5 milhões em bens de Aécio e o torna réu

A Justiça determinou o bloqueio de R$ 11,5 milhões em bens do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) e o tornou réu a pedido do Ministério Público. De acordo com a Folha de S. Paulo, a decisão liminar foi tomada por suspeita de uso de aeronaves do Estado de Minas Gerais sem comprovação de interesse público.

Siga nosso Instagram: @seligacamacari | Confira as vagas de emprego: VagasEmCamaçari | VagasBahia

O juiz Rogério Santos Araújo Abreu, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Belo Horizonte, teve a decisão publicada nesta quinta-feira (21). Ele deu prazo de cinco dias para que Aécio apresente à Justiça os bens no valor estipulado. A defesa do parlamentar vai recorrer da liminar.

Ainda segundo a Folha de S. Paulo, a Promotoria aponta que Aécio realizou 1.424 deslocamentos aéreos de janeiro de 2003 a março de 2010, enquanto era governador de Minas Gerais. Desse total, somente 87 tiveram justificativa. “O requerido ignorou o princípio da publicidade e da probidade da administração pública, utilizando-se de dinheiro público em benefício próprio”, relatou o juiz.

Por Agência Brasil