Início Brasil ‘Já chorei algumas vezes pensando nas pessoas que conheci lá’, diz Caetano...

‘Já chorei algumas vezes pensando nas pessoas que conheci lá’, diz Caetano ao relembrar passagem por Brumadinho

“Quando fui a Brumadinho em 2016 para cantar no Meca Festival, fiquei assustado com o que vi no caminho. O evento era em Inhotim, museu cujo prestígio conhecia de longe. O entorno, no entanto, era deprimente”, analisou o cantor.

‘Já chorei algumas vezes pensando nas pessoas que conheci lá’, diz Caetano ao relembrar passagem por Brumadinho 1

Um dos hóspedes famosos da excêntrica pousada Nova Estância, que foi destruída no rompimento da barragem do Feijão em Brumadinho (MG), o cantor Caetano Veloso contou que chorou copiosamente ao lembrar das pessoas que conheceu no local, onde ficou em 2016.

‘Já chorei algumas vezes pensando nas pessoas que conheci lá’, diz Caetano ao relembrar passagem por Brumadinho 2

“Lendo o livro [Maquinação do Mundo] de Zé Miguel [José Miguel Wisnik] sobre Drummond, pensei muitas vezes no fato de o que há de belo em Inhotim tardar a ser captado por minha sensibilidade, tal a sensação de desconforto humano, vegetal, animal e espiritual da região. A delicadeza das pessoas, o sabor das comidas, a graça da decoração (tudo tão mineiro) da pousada Nova Estância era igualmente contaminada pelo sentimento de desequilíbrio e feiura que a cercava. Já chorei algumas vezes hoje, incontrolavelmente, pensando nas pessoas que conheci lá”, comentou ele, em texto para o site Mídia Ninja, no qual é colunista, ao criticar o ambiente que cercava a paisagem bucólica.

A pousada – que ficava a 18 km do museu do Inhotim, principal ponto turístico da região –, era uma das mais luxuosas da região. Uma foto de Caetano no local foi publicada em fevereiro de 2017. Ele lembrou de detalhes de sua impressão sobre o lugar, durante a passagem para a realização de um show.