Início Salvador Homem suspeito de criar empresas para fraudar compras é indiciado por estelionato

Homem suspeito de criar empresas para fraudar compras é indiciado por estelionato

Por Aratu Online

Crédito da Foto: Divulgação/ SSP BA

Adonias Barbosa Mangieri foi conduzido à 6ª Delegacia Territorial (DT), em Brotas, nesta terça-feira (21/8), suspeito de cometer fraudes utilizando dados de terceiros para comprar mercadorias numa das maiores companhias de alimentos frigoríficos do país.

A investigação foi iniciada após uma comerciante procurou a delegacia relatando que o nome de sua empresa e o endereço foram alterados na Junta Comercial do Estado da Bahia (Juceb) e, posteriormente, uma fatura em aberto, a qual não reconhecia.

Em depoimento, o suspeito afirmou que há seis meses vem sendo procurado por terceiros para fazer cadastros junto à empresa de alimentos para compra de mercadorias e, para tanto, criava microempresa. Com os CNPJS criados, a compra era viabilizada, mas as faturas não eram pagas.

Ainda segundo Adonias, algumas pessoas físicas também o procuravam com o intuito de abrir empresas jurídicas, serviço pelo qual cobrava entre R$ 50 e R$ 100, e após as compras os supostos clientes pagavam em mercadorias ou dinheiro e, da mesma forma, não pagavam os produtos adquiridos.

Na casa dele os policiais encontraram cópias de documentos de 22 pessoas, além de anotações diversas com dados como nome, endereço, RG, data de nascimento e CPF, possivelmente utilizados para cometer os crimes. A 6ª DT/Brotas instaurou inquérito para apurar os casos e busca identificar os demais envolvidos e outras vítimas.