Início Salvador Funcionárias do Hotel Fiesta brigam por batata frita e mulher acaba esfaqueada

Funcionárias do Hotel Fiesta brigam por batata frita e mulher acaba esfaqueada

Crime aconteceu na noite desta terça-feira (11)

Uma briga por batata frita entre funcionários do Hotel Fiesta, localizado na avenida Antônio Carlos Magalhães, terminou com uma pessoa esfaqueada nas costas na noite desta terça-feira (11). As informações são do CORREIO.

Funcionárias do Hotel Fiesta brigam por batata frita e mulher acaba esfaqueada 1

De acordo com a apuração do CORREIO, no boletim de ocorrência do posto da polícia civil no Hospital Geral do Estado (HGE) consta que a agressora, identificada como Gilmara Azevedo, começou uma discussão com a vítima, Cláudia Silva de Oliveira, 44 anos, por causa da fritura de batatas.

Durante a briga, a suspeita pegou uma faca e atingiu a vítima nas costas. Ela foi socorrida e levada para o HGE, onde permanece internada.

Em entrevista ao CORREIO, a delegada Maria Selma Lima, titular da 16ª Delegacia (Pituba), afirmou que Gilmara foi presa. “O que aconteceu foi entre as duas funcionárias, auxiliares de cozinha do hotel. De repente começou a situação porque uma estava gritando ‘batatinha’ e a outra se estressou porque não havia pedido autorização para fritar as batatas”, contou.

A delegada explicou ainda ao CORREIO que, durante a discussão, elas começaram a trocar ofensas. “Aí ficou aquela bagunça… aí a agressora disse que ouvia uma voz na cabeça dizendo que precisava pegar uma faca e dar nas costas da outra. Foi aí que a vítima voltou para a cozinha e tomou a facada nas costas”, relatou Maria Selma.

O CORREIO esteve no local do crime na manhã desta quarta-feira (12), mas ninguém atendeu o veículo. Posteriormente, foi informado que a gerência do hotel prestou depoimento à polícia e afirmou que não irá se pronunciar sobre o caso.