Início Camaçari Ford chama trabalhadores de volta para produzir peças de reposição, após anunciar...

Ford chama trabalhadores de volta para produzir peças de reposição, após anunciar demissão

Entre para nosso grupo no telegram: t.me/seligacamacari

A direção da Ford convocou funcionários das fábricas de Taubaté (motores) e Camaçari (onde produzia o EcoSport e o Ka), dizendo que convocará um grupo para produzir, “por alguns meses”, peças para o mercado de reposição.

“Como a empresa quer que o trabalhador aceite isso depois de levar um tapa na cara e não ter recebido nenhum pedido de desculpa?”, indaga o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, Júlio Bonfim. No interior de São Paulo a orientação do Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté também é para que ninguém atenda à convocação até que negociações sejam concluídas.

A montadora iniciou na segunda-feira (18) encontros com dirigentes sindicais das fábricas de Camaçari (BA) e Taubaté (SP) para negociar indenizações aos trabalhadores. Segundo as entidades, não houve ainda apresentação de propostas, o que deve ocorrer na quarta, em novo encontro já agendado.

Na semana passada da Ford anunciou o fechamento das fábricas no país. A unidade da Troller, fabricante de jipes em Horizonte (CE), vai funcionar até o fim do ano e depois encerra definitivamente as atividades. No fim de 2019, o grupo já tinha fechado a fábrica de São Bernardo do Campo, no ABC paulista.