Início Camaçari Família de criança que faleceu no HGC denuncia demora do recebimento do...

Família de criança que faleceu no HGC denuncia demora do recebimento do laudo

(À direita) Mariellen em festinha escolar. (À esquerda) na maca do corredor do HGC.

A demora na emissão do laudo cadavérico preocupa familiares da pequena Mariellen Lima dos Santos, de apenas 11 anos, que morreu quatro dias depois de dar entrada no Hospital Geral de Camaçari (HGC), em julho de 2016. Segundo a família, até hoje não se sabe a real causa da morte da jovem.

Em contato com nossa equipe, a avó pôde falar brevemente sobre o descaso. Ela relatou que perdeu as contas das vezes que precisou ir ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues, em Salvador (IMLNR), no entanto, a resposta é sempre negativa sobre a conclusão do laudo e a justificativa é que ainda está em estudo.

“Está prestes a fazer dois anos que Mariellen faleceu, e até o presente momento nem o laudo da morte dela eu tenho em mãos. Vi em outros meios de comunicação que ela havia falecido de dengue hemorrágica, mas como posso acreditar se não tive acesso ao laudo?”, reclama familiar da menina.

“Minha neta era sadia, era nova e forte, só quero ter uma resposta, saber o motivo real da morte dela. Só quero descansar”, finaliza a avó de Mariellen.

CLIQUE NO LINK E RELEMBRE TODA A HISTÓRIA DRAMÁTICA QUE A GAROTA SOFREU: Avó faz relato chocante dos últimos dias de vida de sua neta no HGC

Leia mais: Família já recebeu o laudo cadavérico de Mariellen Lima

Por Cn1