Início Famosos “Disse que ia se matar e deixar uma carta me culpando”, diz...

“Disse que ia se matar e deixar uma carta me culpando”, diz socialite sobre ex-musa do Bahia

(Fotos: reprodução/Instagram | divulgação)

Após a polêmica envolvendo a socialite e digital influencer Juliana Feroldi e a ex-musa do Bahia, Carol Muniz, a blogueira decidiu se pronunciar. Nesta terça-feira (02), ela esclareceu a confusão que aconteceu entre elas duas, envolvendo o ex-marido dela, o empresário Francisco Peltier, da família Odebrecht.

Segundo Juliana, Carol é uma garota de programa e estava a perseguindo nas redes sociais após o ex-marido ter contratado os serviços dela por uma noite. De acordo com a influencer, a modelo estaria alterada por suposto uso de drogas e Francisco preferiu deixar a ex-musa do Bahia no motel, pagar pelo serviço e ir embora.

Após isso, conforme Juliana, Carol teria começado a enviar mensagens para ela, afirmando que iria se matar. “Disse que tomou todas e foi para o motel, chegou lá não quis ficar, chamou ela para levar em casa e ela surtou, que não iria. Ele pagou o motel para ela ficar até 14h e se picou. Como ele se picou, ela me culpa, mas eu tava dormindo nessa hora e eu não respondi nada. Hoje quando a mãe dela devolveu o telefone para ela, ela continuou mandando direct desaforado para mim. Que Chico tinha deixado ela no motel e a culpa era minha, disse que ia se matar e deixar uma carta me culpando”, disse.

Siga nosso Instagram: @seligacamacari | Confira as vagas de emprego: VagasEmCamaçari | VagasBahia

Segundo Juliana, ela “perdeu a razão” após Carol ter deixado comentários no perfil do instagram dela, que ela usa para trabalho. “Perdi meu chão e fui no prédio que achei ser o dela, chutei o portão e gritei varias ofensas”, disse.

Um vídeo da confusão foi divulgado nas redes sociais e é possível ver o momento que a socialite começa a gritar na porta da casa da ex-musa do Bahia. “Não basta pegar o marido não, não basta ganhar R$ 1.000 com programa não, tem que mandar desaforo! Desce, desce vagabunda! Tenho dó da sua mãe, tenho dó do seu pai, prostituta, vem aqui, vai se esconder? Você passou muitos anos se prostituindo, e eu tive coragem de vir na sua casa e dizer, você faz mal pra humanidade, prostituta! Eu vou te pegar, é uma ameaça”, disse Juliana.