Início E.C. Bahia Com vantagem, Bahia recebe o São Paulo em decisão na Copa do...

Com vantagem, Bahia recebe o São Paulo em decisão na Copa do Brasil

Com vantagem, Bahia recebe o São Paulo em decisão na Copa do Brasil 1
Roger Machado conversa com os jogadores antes do duelo decisivo contra o São Paulo (Foto: Reprodução )

Quando a temporada 2019 começou para o Bahia, a expectativa criada por torcedores, jogadores e dirigentes do clube era de fazer um ano seguro e melhor que o anterior. Após o bicampeonato baiano e as eliminações precoces nas primeiras fases da Copa do Nordeste e da Copa Sul-Americana, nesta quarta-feira (29), o tricolor pode igualar o estágio que alcançou na Copa do Brasil 2018. Às 21h30, o time recebe o São Paulo, na Fonte Nova, no jogo de volta das oitavas de final.

Como venceu a ida por 1×0, no Morumbi, o tricolor baiano precisa apenas de um empate para se garantir nas quartas de final do torneio que dá ao campeão a vaga na Libertadores da América.

Apesar da vantagem construída fora de casa, no Fazendão o tom é de cautela. Autor do gol no Morumbi, Élber sustenta que o Bahia precisa jogar para vencer novamente. “A gente sabe que foi um gol importante. Acho que é uma vantagem pequena, mas a gente tem que se apegar a ela, sim. Durante o jogo, conseguir mais gols e aumentar nossa vantagem. Sabemos que vai ser um jogo difícil. O São Paulo é qualificado, tem grandes jogadores”, comentou o camisa 7.

“Nossa confiança sempre foi alta. Nossa equipe é muito qualificada, sempre tem confiança um no outro. A gente está invicto em casa na Copa do Brasil e no Brasileiro, vem de uma sequência muito boa. Vai ser um jogo difícil, mas a gente está muito forte em casa”, continuou.

Se passar pelo São Paulo, o Bahia vai alcançar as quartas de final da Copa do Brasil pela sexta vez na história. É a fase mais longe que o tricolor já conseguiu chegar – em 1989, 1999, 2012, 2013 e 2018.

A última vez que isso aconteceu foi no ano passado, quando eliminou o Vasco nas oitavas e pegou o Palmeiras na etapa seguinte. Acabou eliminado pelo alviverde após empatar por 0x0 na Fonte Nova e ser derrotado por 1×0 no Pacaembu.

A diferença é que no ano passado o Bahia entrou na Copa do Brasil já nas oitavas de final, por ter sido campeão do Nordestão um ano antes. Em 2019, o tricolor teve que fazer todo o percurso, passando por Rio Branco, Santa Cruz-RN, CRB e Londrina.

Pênaltis

Além da cautela com a vantagem mínima, o elenco do Bahia se preparou para um outro cenário. Como na Copa do Brasil o gol fora de casa não é mais critério de desempate, qualquer triunfo do São Paulo por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis.

Por isso, os jogadores trataram de treinar as cobranças durante a última atividade do time antes do duelo, nesta terça-feira (28), no Fazendão. Élber e Ramires converteram os três que bateram. Nino perdeu os quatro.

Titular no ataque tricolor, Élber não deseja que o Bahia precise definir a vaga nas penalidades, mas afirma que está preparado caso precise ser um dos cobradores.

“Não tem nada decidido ainda. Tem chance de ir para as penalidades, estou preparado se for opção, se acontecer. Espero que não. Estou preparado como todos, mas a gente vai fazer de tudo para que não aconteça”, garante.

A partida contra o São Paulo marca também a “despedida” do tricolor da Fonte Nova. O estádio será entregue à Conmebol para a disputa da Copa América e o jogo contra o Grêmio, sábado, pelo Brasileirão, será em Pituaçu. Com isso, o time só voltará a atuar na Fonte Nova no recomeço da Série A, já que será visitante nas partidas contra Ceará e Inter, nos dias 8 e 12 de junho. (Por Correio 24 Horas)