Início Destaque Caso Michel Sá: suspeitos de envolvimento em morte de assessor serão soltos...

Caso Michel Sá: suspeitos de envolvimento em morte de assessor serão soltos nesta terça

Caso Michel Sá: suspeitos de envolvimento em morte de assessor serão soltos nesta terça 1

Maurício Lucas Teive e Argollo, e Itazil Moreira dos Santos, suspeitos de participarem da morte do assessor da Diretoria de Relacionamento e Atendimento da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb) em 2018, Michel Sá, serão soltos nesta terça-feira (1).

Na decisão expedida pela 15ª Vara Criminal de Salvador na noite desta segunda-feira (30), o juiz entendeu que não há provas suficientes do suposto envolvimento dos dois no caso. Maurício e Itazil são, respectivamente, padrasto do réu confesso, Gabriel Bispo dos Santos, e ex-motorista. A decisão também manteve a condenação de Gabriel, de 22 anos de prisão.

Caso Michel Sá: suspeitos de envolvimento em morte de assessor serão soltos nesta terça 2

Os dois foram denunciados pelo Ministério Público (MP-BA) por latrocínio, roubo seguido de morte, em janeiro deste ano. No mês seguinte, eles tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça.

Eles foram presos depois de uma audiência de instrução e julgamento, no Fórum Criminal de Sussuarana, em junho.

O caso

O crime ocorreu em agosto de 2018, durante a negociação da venda de um carro, que pertencia a Michel. O corpo foi encontrado atrás do Shopping Paralela, em Salvador, no dia seguinte. Michel tinha 35 anos, era casado e deixou um filho de nove meses.

Gabriel Bispo dos Santos foi preso no dia 19 de novembro na cidade de Pomerode, em Santa Catarina, e em seguida, foi transferido para Salvador onde segue preso. Ele confessou participação no golpe, mas negou que tenha assassinado a vítima.

Com informações do BNews