Início Destaque Casal transa no topo de pirâmide e escandaliza Egito

Casal transa no topo de pirâmide e escandaliza Egito

O governo do Egito está investigando um vídeo que foi divulgado nas redes sociais no qual aparece um casal nu transando no topo de uma das pirâmides de Gizé.

O vídeo teria sido publicado por um fotógrafo dinamarquês, identificado como Andreas Hvid, com a sua amiga Josephine Sarah, em suas contas de Instagram e de YouTube. As imagens foram deletadas de ambas as contas, mas o canal Luxor4u Egypt4u RedSea4u publicou uma cópia do vídeo que mostra o casal escalando e chegando ao topo da pirâmide. No final é exibida rapidamente uma foto “pixelada” do casal nu transando no topo do monumento histórico.

Não é a primeira vez que há investigações a situações ocorridas nas três pirâmides de Gizé. Em 2015, o alemão Andrej Ciesielski foi detido e expulso do Egito por subir sem autorização uma das pirâmides. No ano passado, em março, a modelo belga Marisa Papen posou nua na explanada de uma das pirâmides de Gizé e foi detida, no templo de Karnak, em Luxor, quando tirou a roupa noutra sessão de fotos.

O ministro egípcio de Antiguidades, Khaled al Anani, pediu para que “sejam tomadas medidas necessárias” e alegou que o vídeo do casal estrangeiro “atenta contra a moral”. A medida foi anunciada em comunicado oficial, após o assunto ter gerado escândalo no Egito.

Com informações de: El Pais , Diário de Notícias e Egypt Today