Início Esportes Brasil estreia com ouros e prata no Mundial Paralímpico de Halterofilismo

Brasil estreia com ouros e prata no Mundial Paralímpico de Halterofilismo

Brasil estreia com ouros e prata no Mundial Paralímpico de Halterofilismo 1
Crédito da Foto: Ivo Felipe/Comitê Paralímpico Brasileiro

O Brasil estreou no Mundial Paralímpico de Halterofilismo, em Nur-Sultan, no Cazaquistão, conquistando na última sexta-feira (12/7), duas medalhas de ouro e uma de prata. O amazonense Lucas Manoel, na categoria até 49kg, e o paulista Marcos Terentino, até 54 kg, ficaram com o lugar mais alto do pódio, na classe júnior, enquanto Vinicius Freitas, até 80kg, ficou em segundo lugar.

Brasil estreia com ouros e prata no Mundial Paralímpico de Halterofilismo 2

Lucas Manoel é campeão mundial júnior pela segunda vez seguida. Ele já havia conquistado o ouro no Mundial realizado na Cidade do México, há dois anos. Na sexta-feira, ele enfrentou o jordaniano de 17 anos, Mohammad Alshnaiti, e venceu ao levantar 126 kg.

Marcos Terentino conseguiu levantar 96kg, sendo 1kg a mais que o cazaque Zakhar Buimov, garantindo o segundo ouro para o Brasil. Além de Lucas e Marcos, outros dois brasileiros também obtiveram medalhas. O mineiro Vinicius Freitas ficou com a prata na categoria até 80kg.

Neste sábado (13/7), O amazonense João Maria de França Júnior, da categoria até 49kg, registrou um levantamento de 146kg e assegurou um novo recorde das Américas, dois quilos acima da antiga marca, dele próprio. A mineira Lara Aparecida também competiu e ficou com a 11ª posição na divisão até 41kg, com 71kg.

Com informações do Comitê Paralímpico Brasileiro