Início Notícias Boxeador leva celular ao ringue, deixa ele cair e ainda é nocauteado...

Boxeador leva celular ao ringue, deixa ele cair e ainda é nocauteado por rival

O boxe profissional viveu uma de suas cenas mais inusitadas na última semana. O boxeador portorriquenho Marvin Jones, de 32 anos, foi o responsável pela paralisação do seu combate contra o cubano Rámon Nicolás, de 23 anos, por um motivo bizarro. O veterano levou seu próprio celular para o ringue e deixou ele cair durante o primeiro round. Ao perceber que o aparelho havia caído de dentro do calção do boxeador de Porto Rico, o árbitro interrompeu a luta e o entregou para o corner de Marvin.

Veja o vídeo do momento em que o celular de Marvin cai no ringue

boxeador, celular, ring (Foto: Youtube)
Celular de Marvin Jones cai no ringue durante luta de boxe (Foto: Youtube)

Surpreso, o público da cidade de Arcadia, na Flória, Estados Unidos, deu risada da situação, mas o árbitro Frank Santore Jr continuou a luta. Jones pediu desculpas e voltou a lutar, mas acabou nocauteado ainda no primeiro round depois de levar um forte gancho de Nicolás.

Aos 32 anos, Marvin tem duas vitórias e cinco derrotas, todas por nocaute. Já Rámon, que não quis nem saber da paralisação e voltou com tudo para nocautear o rival, tem três lutas, com duas vitórias e uma derrota por desqualificação.

 

 

*Globoesporte