Início Esportes BOMBA NO UFC: Jon Jones é pego em antidoping por cocaína e...

BOMBA NO UFC: Jon Jones é pego em antidoping por cocaína e se interna em clínica

O americano foi pego no doping depois de exame que fez durante sua preparação, em 4 de dezembro

O campeão dos meio-pesados, Jon Jones, se internou em uma clínica de reabilitação depois de ser flagrado em exame de antidoping surpresa com um metabólico da cocaína. O lutador divulgou um comunicado em que fala que está fazendo reabilitação.

“Com o apoio de minha família, eu entrei em uma clínica de reabilitação para drogas. Eu quero me desculpar com a minha noiva, meus filhos, assim como minha mãe, pai e irmãos pelo erro que cometi. Eu também quero me desculpar com o UFC, com meus treinadores, meus patrocinadores e também com os igualmente importantes fãs. Estou entrando neste tratamento de maneira muito séria. Neste momento, eu e minha família pedimos privacidade”, diz o texto.

O americano foi pego no doping depois de exame que fez durante sua preparação, em 4 de dezembro. Como não estava em semana de luta, ele não foi impedido de lutar contra Daniel Cormier, que derrotou no último sábado pelo UFC 182, em Las Vegas. Ele defendeu pela oitava vez seu cinturão.

Jon Jones (ao centro) (Foto: AFP)

Uso de cocaína e seus metabólicos não são punitivos quando os atletas não estão em competição, segundo regras da Agência Mundial Antidoping (WADA). Por conta disso, Jones não podia ser punido na luta contra Cormier.

Segundo o Yahoo, um segundo teste surpresa em Jones não encontrou nenhuma substância proibida.

Apoio do UFC
O atleta recebeu apoio depois da revelação. “Nós apoiamos o campeão dos meio-pesados Jon Jones em sua decisão de entrar em uma clínica de reabilitação para drogas para resolver seu recente problema. Se por um lado estamos desapontados por ele ter falhado no teste, nós aplaudimos sua decisão de fazer o tratamento. Jon é forte, corajoso dentro do octógono e esperamos que ele enfrente isso com a mesma garra e diligência. Louvamos a sua decisão e estamos ansiosos para vê-lo voltar do programa um homem ainda melhor.”, diz nota do UFC.

O presidente Dana White afirmou estar “orgulhoso” por Jones “tomar essa decisão de iniciar o tratamento de reabilitação. Estou confiante de que ele vai emergir deste programa como um verdadeiro campeão que ele é”.

Fonte: Correio da Bahia