Início E.C. Bahia Bahia sai na frente, mas cede empate ao Cruzeiro no Mineirão

Bahia sai na frente, mas cede empate ao Cruzeiro no Mineirão


Por Galáticos Online

Neste domingo no Estádio do Mineirão, Cruzeiro e Bahia se enfrentaram pela 19ª e última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Em um jogo equilibrado, o placar de 1 a 1 refletiu bem o que foi o jogo durante os 90 minutos. Os gols foram marcados por Douglas Grolli e Thiago Neves.

O Tricolor vai aos 22 pontos e sobe para a décima posição da competição nacional. Agora, a equipe de Enderson Moreira enfrenta o Internacional, às 19h30, na Arena Fonte Nova, na próxima quarta-feira (22).

O JOGO

Os primeiros movimentos no Mineirão foram muito estudados. As equipes priorizavam mais a troca de passes, mas sem grande objetividade.

A primeira boa chegada foi aos 16 minutos. Barcos virou o jogo para a direita, buscando Thiago Neves. O meia dominou e bateu, mas acabou sendo travado. Quatro minutos depois, foi a vez do Esquadrão responder. Zé Rafael lançou Élber, que na linha de fundo cruzou. Na confusão, a bola sobrou para Gilberto, que carimbou Egídio na finalização.

O Bahia seguia fazendo um bom primeiro tempo e voltou a levar perigo com Zé Rafael. O meia arriscou de perna esquerda um chute cruzado, que passou a esquerda de Fábio.

Com quase 40 minutos de bola rolando, o time de Mano Menezes fazia mais uma atuação bem abaixo do esperado. O time era pobre em criação, se defendia bem, mas corria riscos quando os visitantes escapavam no contra-ataque, como na finalização de Gilberto de fora da área. A bola passou perto do gol cruzeirense. O último lance do primeiro tempo foi uma falta cobrada por Thiago Neves, mas a bola foi por cima do gol.

Segundo tempo

A etapa complementar foi bem melhor que o primeiro tempo. Logo aos dois minutos, Lucas Fonseca falhou e Lucas Silva mandou um canudo pela linha de fundo. O Cruzeiro seguia na pressão. Thiago Neves deu belo passe para Barcos, mas o Pirata acabou desperdiçando uma chance clara de abrir o placar.

A Raposa acabou sofrendo com uma das máximas do futebol: quem não faz, toma. Aos 14 minutos, após escanteio curto, Vinícius cruzou na área, e Douglas Grolli subiu sozinho, com tranquilidade e abriu o placar no Mineirão.

Quatro minutos depois, os donos da casa empataram o jogo. Bruno cortou mal, e a bola sobrou limpa para Egídio. O lateral-esquerdo cruzou na cabeça de Thiago Neves, que cabeceou com perfeição e deixou tudo igual.

Os comandados de Mano Menezes seguiam na pressão e quase viraram aos 20 minutos com Thiago Neves, em chute de fora da área, que passou a direita da meta de Anderson.

Depois, o Esquadrão optou por esfriar o jogo. Enderson Moreira fazia alterações e o time quando tinha a bola prendia bem a posse. O empate era visto com bons olhos para os baianos. O Cruzeiro seguia na pressão, mas faltava criar mais chances, principalmente depois do empate.

No final do jogo, aos 45 minutos, a Raposa ainda teve uma chance com Barcos, que girou e bateu, mas a bola foi pela linha de fundo. Na base do abafa, Dedé ainda quase marcou depois de cruzamento de Patrick. Esta foi a última chance da partida, que acabou empatada em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 1 X 1 BAHIA

Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 19 de agosto de 2018
Horário: 16h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone e Carlos Henrique Cardoso de Souza, ambos do RJ
Cartões amarelos: Robinho e Henrique (Cruzeiro); Gregoge e Elton (Bahia)
Cartões vermelhos: –
Gols:

CRUZEIRO: Thiago Neves aos 18 minutos do segundo tempo
BAHIA: Douglas Grolli aos 14 minutos do segundo tempo

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva (Patrick), Robinho (Mancuello) e Thiago Neves; David (Rafinha) e Barcos.
Técnico: Mano Menezes

BAHIA: Anderson; Bruno, Douglas Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Elton, Élber (Marco Antônio), Vinícius (Régis) e Zé Rafael; Gilberto (Edigar Junio).
Técnico: Enderson Moreira.