Início Saúde Após chamar epidemia de ‘histeria’, pastor morre por coronavírus

Após chamar epidemia de ‘histeria’, pastor morre por coronavírus

Após chamar epidemia de ‘histeria’, pastor morre por coronavírus 1
Foto: Reprodução / BBC News

O pastor Landon Spradlin, de 66 anos, morreu por coronavírus um mês depois de chamar a epidemia de ‘histeria’. Landon havia ido aos Estados Unidos para realizar uma pregação no ‘mardi gras’, festival de Carnaval ocorrido em março, na cidade americana.

No dia 13 de março, o pastor havia postado em suas redes sociais que a Covid-19 seria como a gripe suína, e apresentava dados falsos. Além disso, Spradlin declarou que as notícias sobre o vírus seriam um complô para prejudicar o presidente dos EUA, Donald Trump.

O pastor deixa a mulher e cinco filhos, que esperam o surto da Covid-19 passar para que um velório seja realizado. Até o momento, houve apenas um enterro com poucas pessoas presentes.

Por Varela Notícias