Início Política Alexandre Frota, Tiririca e namorado de Fátima Bernardes estão entre famosos eleitos

Alexandre Frota, Tiririca e namorado de Fátima Bernardes estão entre famosos eleitos


Por BNews

As eleições 2018 reuniu uma lista de famosos derrotados nas urnas, inclusive os baianos Acelino Popó Freitas e a ex-vereadora Léo Kret, que tentavam uma vaga na Câmara dos Deputados. No entanto, alguns conseguiram se eleger em diferentes estados brasileiros para cargos como de deputado federal e estadual, e senador.

Alexandre Frota (PSL)
O ator Alexandre Frota (PSL) elegeu-se deputado federal em São Paulo com mais de 155 mil votos.

Bebeto (PODE)
O ex-jogador Bebeto se reelegeu deputado estadual pelo Rio de Janeiro, com 25.917 votos. Ele ficou em 54º lugar. Ao todo, 70 deputados compõem a Assembleia Legislativa do estado.

Danrlei (PSD)
O ex-goleiro foi eleito para o terceiro mandato como deputado federal pelo Rio Grande do Sul, com 102.662 votos. Ele foi o 13º mais votado. Havia 31 cadeiras em disputa.

Igor Kannário (PHS)
A coligação encabeçada pelo PSL na Bahia elegeu o cantor de pagode e vereador em Salvador Igor Kannário (PHS) como deputado federal. Kannário é defensor da legalização da maconha e tem um histórico de atritos com a Polícia Militar da Bahia.

Jean Wyllys (PSOL)
Jean Wyllys (PSol) conseguiu se reeleger deputado federal pelo Rio de Janeiro nos últimos momentos da apuração dos votos. Wyllys foi o menos votado no Rio entre os deputados eleitos, com 24.295 votos, e garantiu mais quatro anos na Câmara graças ao quociente eleitoral.

Joice Hasselmann (PSL)
A jornalista Joice Hallelmann elegeu-se deputada federal por São Paulo com mais de 1 milhão de votos. Foi a segunda mais votada no estado, atrás apenas de Eduardo Bolsonaro, do mesmo partido.

Jorge Kajuru (PRP)
Eleito para o Senado por Goiás com mais de 1,3 milhão de votos.

Leci Brandão (PCdoB)
A cantora elegeu-se para o terceiro mandato como deputada estadual por São Paulo, desta vez com mais de 60 mil votos.

Leila do Vôlei (PSB)
Eleita para o Senado pelo Distrito Federal com mais de 437 mil votos.

Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PSL)
Tataraneto do imperador Dom Pedro II (1825-1891) e sobrinho do atual chefe da Casa Imperial do Brasil, dom Luiz Gastão de Orleans e Bragança, aquele que seria o imperador, caso o Brasil voltasse a ser uma monarquia, Luiz Philippe elegeu-se deputado federal por São Paulo com mais de 118 mil votos.

Tiririca (PR)
Com mais de 440 mil votos, o humorista foi o 5º mais votado dentre os candidatos a deputado federal por São Paulo. Elegeu-se para o terceiro mandato. No final do ano passado, ele subiu à tribuna da Câmara e fez um discurso no qual disse estar com “vergonha” da política e, por isso, estava “abandonando a vida pública”.

Túlio Gadelha (PDT)
Túlio Gadelha, namorado da apresentadora Fátima Bernardes, foi eleito deputado federal por Pernambuco com 75.642 votos. Foi 19º mais votado. Ao todo, havia 25 vagas em disputa.