Início Brasil Adolescente de 15 anos tem parada cardiorrespiratória durante ato sexual; polícia investiga

Adolescente de 15 anos tem parada cardiorrespiratória durante ato sexual; polícia investiga

Grupo no telegram: t.me/seligacamacari | Site de vagas em Camaçari: ACESSE
Jovem morreu aos 15 anos em Cubatão, SP — Foto: Arquivo Pessoal

A Polícia do estado de São Paulo investiga a morte de uma menina de 15 anos que foi levada ao hospital por um homem, de 26 anos, que supostamente estava saindo com a jovem. Gabrielly Dickson Alves Nascimento deu entrada na UPA Jardim Casqueiro, em Cubatão, com quadro de parada cardiorrespiratória.

ATENÇÃO: Nunca pague nenhum valor para participar de um processo seletivo. Não compre cursos, apostilas ou serviços que prometam participação em seleção ou contratação para uma vaga. E jamais informe dados bancários, de cartão ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não conheça. Nosso site não se responsabiliza por qualquer tipo de pagamento efetuado.

O auxiliar de serviços gerais que estava com a adolescente disse à polícia que os dois mantinham relação sexual dentro do carro, quando ele percebeu que a vítima estava desfalecida.

Segundo ele, Gabrielly apresentava lábios e peles pálidos, e suas mãos estavam contorcidas para trás.

Conforme nota da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado, enfermeiros afirmaram que, quando a adolescente deu entrada na unidade de saúde, ela estava inconsciente e apresentava sangramento nas partes íntimas. Não havia, no entanto, marcas de agressão.

De acordo com o G1, a família de Gabrielly não tinha conhecimento do relacionamento entre os dois e também não sabia se a menina tinha alguma doença preexistente.

O comunicado da SSP ainda informa que o caso foi registrado como morte suspeita pela Delegacia de Cubatão e que foram solicitados exames periciais.