Início Camaçari ABRACE MULHER 2018 – Prêmio homenageia 35 mulheres que atuam em Camaçari

ABRACE MULHER 2018 – Prêmio homenageia 35 mulheres que atuam em Camaçari

Uma noite especial e cheia de glamour para render homenagens às mulheres, assim foi a primeira edição do Prêmio Abrace Mulher que aconteceu na noite desta sexta-feira (16/3), no Teatro Cidade do Saber, e concedeu troféus à 35 mulheres com posição de destaque em diversas áreas da sociedade.

As homenageadas foram divididas em 10 categorias: ação social, saúde, cultura, política, mulher empreendedora, superação, esporte, vozes femininas, mãe e filha e jornalismo mulher.

O prêmio, realizado em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 de Março, é mais uma ação do Projeto Abrace Camaçari, iniciativa transversal, que envolve diversas secretarias de governo.

A primeira-dama do município, Ivana Paula, idealizadora do Abrace Camaçari, ressalta que o evento é mais uma importante experiência no currículo do projeto, que já desenvolveu diversas campanhas, como a do Dia das Crianças, Páscoa, do agasalho e o Natal Sustentável. “Hoje é dia de reconhecimento, de valorizar o trabalho desenvolvido por mulheres abnegadas, que assim como o Abrace Camaçari, deixam suas marcas na sociedade, transformando vidas, resgatando valores morais e construindo histórias de sucesso”, concluiu.

Com experiência de 32 anos na área de esporte, a treinadora de Ginástica Rítmica, Tânia Mara Lyrio, foi uma das homenageadas. Ela iniciou a trajetória como atleta, entre os 11 e 12 anos, em 1998, cursou Educação Física na Universidade Católica, e em 2002 se especializou em Ginástica Rítmica. “Acho a iniciativa importante, pois é uma forma de divulgar a contribuição das mulheres na sociedade. A nossa luta é a mesma, ajudar o próximo de alguma maneira. Esse prêmio é o reconhecimento pelo nosso trabalho, e vem para nos dar mais força para continuarmos lutando pelos nossos objetivos”, declarou a técnica.

Com uma história de vida marcada pela superação, a farmacêutica Lisiane Sena, 36 anos, mostrou toda a garra e a coragem da mulher brasileira ao pôr fim à situação de violência conjugal que viveu. Ela buscou apoio do Centro de Referência na Atenção à Mulher (CRAM) Yolanda Pires, onde encontrou o suporte jurídico e psicológico necessário. Mas a superação na vida de Lisiane continua, ela luta diariamente para cuidar e manter financeiramente o casal de gêmeos, um deles tem a necessidade de maior atenção e assistência por apresentar atraso cognitivo.

“As mulheres não podem, nem devem se submeter a nenhum ato de violência. Eu estou feliz em está aqui e representar a fatia que luta por seus direitos e nunca desistem da luta. A vida segue, mesmo com as dificuldades, leve e feliz”, declarou Lisiane.

O prefeito Elinaldo Araújo fez questão de prestigiar o evento e render justa homenagem às mulheres em nome da esposa e da sua mãe, Ana Araújo, que foram agraciadas com flores entregues por ele e pela filha Ianohana Silva. “Mulher tem que ser cuidada e tratada com respeito. O que seriamos de nós sem o amor, a dedicação e o profissionalismo delas”, pontuou ele.

O evento, aberto ao público, teve belíssimas apresentações artísticas e contou com a presença de secretários e vereadores municipais.

Homenageadas por categoria:

Social –
Edleuza Sena
Angela Cheirosa

Saúde–
Marta Campos
Ilma Pacheco

Cultura –
Elisângela Sena

Dona Nildes – Grupo Espermacete

Dona Bete – Chegança de Arembepe

Política –
Fafá de Senhorinho

Mulher Empreendedora –
Elida Fashion
Roberta Samara
Maria Aparecida Souza
Kaká da Flor
Déa Alta Costura
Ednaura dos Santos

Superação –
Adriana Santana
Lisiane Sena

Esporte –
Tânia Mara Lyrio
Leila Félix

Vozes Femininas –
Elly Nascimento
Jamile Diwlay
Lívia Nunes
Railda Melo
Nadja Meirelles
Tania Santana
Naele Valverde
Jaguarana
Laise Souto
Raquel Vianna
Dayna Lins
Neide Bassan
Itana Rosa

Mãe e Filha –
Ennie Carvalho (Lojas Ennie Fashion) e a mãe Cely Carvalho.
Jessica Canuto e a mãe Selma Bezerra (Loja Sonho de Noiva)

Jornalismo Mulher –
Jane Silva
Jane Oliver