Início Bizarro Homem costura focinho de cachorro em seu rosto!

Homem costura focinho de cachorro em seu rosto!

Fotos mostram um rapaz costurando a cara de um cachorro em seu rosto! Será que isso é verdade ou mais uma farsa da web?

As imagens não são novas. Circulam há alguns anos pela internet e, agora em outubro de 2012, voltaram a aparecer nas redes sociais. Um rapaz passa por uma espécie de cirurgia para transformar seu rosto em uma forma canina e, para isso, costura o focinho de um cão da raça Rottweiler na sua própria cara!

Dá só uma olhada aí embaixo, que bizarro:

Cara de cachorro! (reprodução: Facebook)

Será verdade?
Ainda bem que tudo não passou de uma bela montagem feita com uma cabeça real de um cachorro e com a ajuda da maquiagem e de um pouquinho de computação gráfica!

As partes do focinho do rottweiler foram costuradas num modelo em silicone do rosto do homem e a edição no computador mesclou os objetos no rosto do moço.

Quem é ele?
O maluco rapaz que aparece nas fotos se chama Rodrigo Braga, um artista plástico nascido em Manaus e criado em Pernambuco que usa de imagens chocantes para atingir seu público e causar as mais diversas sensações em quem aprecia suas obras.

As fotos da sua falsa cirurgia foram feitas no final de 2004 e, como foi explicado em seu site,

“[…] Braga queria passar a ideia de uma metáfora da condição humana e existencial, uma problematização da sua relação com o outro, e consigo próprio”

Não entendemos bem o que isso quer dizer, mas o fato é que Rodrigo Braga parece ter alcançado seus objetivos, uma vez que seu trabalho ficou famoso na web e, de vez em quando, volta a aparecer.

No site do Prêmio Investidor Profissional de Arte podemos ver outros trabalhos de Rodrigo Braga. Mas já é bom avisar que as fotos são bastante perturbadoras!

Desejo Eremita – 2007 (foto: divulgação)

E o pobre do cachorro?
Para quem ficou triste pela morte do cachorro, Rodrigo explica em seu site que conseguiu o corpo do cão no Centro de Vigilância Ambiental da Prefeitura do Recife. Segundo ele, a doação lhe foi feita exclusivamente para fins artísticos e o animal estava na fila de eutanásia do controle de zoonose.

É bom que fique claro que o artista pernambucano não matou o cachorro. Ele já levou pra casa o bichinho morto.

Reprodução do site onde Rodrigo Braga esclarece em seu site que o cão foi adquirido para fins artísticos!

Conclusão
As fotos foram montadas com a ajuda de computação gráfica, mas a cabeça do cachorro é real!

Com informações E-farsas