Início Salvador Funcionários de terceirizada cruzam os braços e pacientes ficam sem comida no...

Funcionários de terceirizada cruzam os braços e pacientes ficam sem comida no Roberto Santos


Por Caroline Gois | BNews

Sem o café da manhã e correndo o risco de ficarem sem o almoço e a janta, pacientes que estão internados no Hospital Roberto Santos pediram ajuda ao BNews diante da situação. Segundo eles, os funcionários da empresa Sabore CIA e Serviços de Alimentos LTDA, que presta serviço ao hospital em contrato firmado com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), cruzaram os braços, na manhã desta sexta-feira (13), após atraso no pagamento dos salários.

“Estamos sem tomar o café da manhã e não sabemos que horas vamos comer”, denunciou um paciente que preferiu não ter a identidade revelada. Outros pacientes enviaram fotos dos funcionários da Sabore reunidos, em ato de paralisação.

A redação tentou encontrar, via Diário Oficial, informações sobre o contrato da Sesab com a Sabore, mas não obteve êxito. A Sesab já foi procurada para esclarecer os dados do contrato, bem como informar onde está o problema. Se na falta de repasse da Sesab para a Sabore ou se a Sabore é que não repassou aos funcionários. Por meio da assessoria, a Sesab afirmou que já está levantando as informações para enviar esclarecimentos sobre o fato. A reportagem também tentou entrar em contato com a Sabore, mas o número disponibilizado na internet está fora de área.

Recorrente
Não é a primeira vez que problemas envolvendo a empresa Sabore CIA e Serviços de Alimentos LTDA prejudicam pacientes do Roberto Santos. No ano passado, o BNews noticiou que a empresa atrasou o pagamento dos funcionários e gerou a redução na produção de comida na unidade. Segundo funcionários da unidade, o setor de nutrição informou que não havia almoço para todo mundo, tendo que priorizar, assim, pacientes com dieta sem restrição e servidores.